LUANDA, LISBOA, PARAÍSO
ebook

LUANDA, LISBOA, PARAÍSO

Editorial:
COMPANHIA DAS LETRAS
ISBN:
978-989-665-711-6
Formato:
Epublication content package
Derechos eBook:
Imprimible: Prohibido.
Copiar/pegar: Prohibido.
Compartir: 6 dispositivos permitidos.
DRM
Si
Colección:
SIN CODIFICAR

9,99 €

O aguardado romance de Djaimilia Pereira de Almeida,

uma das novas vozes mais aclamadas na literatura em português.

«De Portugal, a cidadania dos mortos foi o seu único visto de residência.»

Chegados a Lisboa em junta médica, Cartola e Aquiles descobrem-se pai e filho na desventura, sobrevivendo ao ritmo da doença, do acumular de dívidas e das cartas e telefonemas trocados com a família deixada em Luanda. Até que num vale emoldurado por um pinhal, nas margens da cidade mil vezes sonhada pelo velho Cartola, encontram abrigo e fazem um amigo.

Será esta amizade capaz de os salvar? «Se o entendimento entre duas almas não muda o mundo, nenhuma ínfima parte do mundo é exactamente a mesma depois de duas almas se entenderem.»

Luanda, Lisboa, Paraíso, o segundo romance de Djaimilia Pereira de Almeida, é o balanço tocante de três vidas simples, em que esperança e pessimismo, desperdício e redenção, surgem lado a lado numa sequência de tableaux sombrios, doces e trágicos.

O elogio da crítica a Esse cabelo, romance anterior da autora:
«Sem qualquer dúvida, uma das mais belas estreias literárias dos últimos tempos.»
José Mário Silva, Expresso


«A procura de uma identidade, contada com cerimónia e sentido de risco.»
Isabel Lucas, Público

«Estamos dentro de uma nova experiência e visão da literatura portuguesa. (#) A autora de Esse cabelo encerra a sua narrativa sem qualquer preocupação de se autodefinir.»
Vamberto Freitas, Açoriano Oriental

«Este primeiro, surpreendente, romance de estreia revela-a e afirma-a como escritora. Não é apenas a qualidade da sua escrita, maravilhosa. É o pensamento e a capacidade de pensar-se sem sacrificar a sua sensibilidade.»
Maria do Carmo Piçarra, Diário do Alentejo

«A beleza de Esse cabelo reside na recusa ao lugar esperado - como um cabelo crespo indomável pela própria natureza, que se nega a tomar qualquer forma, "áspero e intratável" como o cacto de Bandeira; ele não se adestra, não se ajeita, não se conforma: prefere a zona de confronto à zona de conforto.»
Ronaldo Bressane, Revista Cult

Otros libros del autor

  • AJUDAR A CAIR
    ebook
    Titulo del libro
    AJUDAR A CAIR
    DJAIMILIA PEREIRA DE ALMEIDA
    Nesta composição breve sobre vizinhança é acompanhado de perto o Verão de 2016 junto dos residentes do Centro Nuno B...

    0,99 €